CARRINHO: 0 ITENS, 0.00€


€0.000 itens

Sonhos de Papel

Novo Preço
Ano da Edição / Impressão / 2014
Número Páginas / 384
ISBN / 9789892325187
Editora / ASA
Ganha 8 Letras
15.90
Antes €0
Poupa €0 (0%)
Disponibilidade/ Imediata
Prazo de entrega/ 2 a 3 dias úteis
Iva à taxa a vigor
ebook disponivel €11.99


Sonhos de Papel - SEPETYS, RUTA


Josie Moraine vive mais do que uma vida. Ela é filha de uma das prostitutas de luxo mais cobiçadas de Nova Orleães, um estigma que a arrasta para o submundo decadente da cidade. Vítima da negligência da mãe, tem nos moradores do extravagante Bairro Francês os seus maiores aliados. De Cokie, humilde e fiel; a Willie, a dona de um bordel cuja frieza esconde um coração de ouro; e a Jesse, tímido, atraente e eternamente apaixonado, todos a protegem e velam por ela. Mas Josie sonha mais alto e move-se com igual à-vontade nos corredores da livraria onde, graças à bondade de um desconhecido, trabalha e habita. Este é o seu porto seguro. Aqui, entre as estantes repletas de livros, no pequeno escritório que agora lhe serve de quarto, não tem de se defender da sua própria mãe nem fingir ser a durona solitária que domina as ruas. Ao anoitecer, quando a porta se fecha e as luzes se apagam, ela descobre nas páginas que folheia a imensidão do mundo e anseia por uma vida melhor. Uma vida como a de Charlotte, a filha de uma família da alta sociedade, cuja amizade a inquieta a ponto de arriscar tudo, mesmo a promessa de um amor verdadeiro. E quando os seus sonhos estão prestes a realizar-se, um crime muda tudo... para sempre.


Ruta Sepetys nasceu no Michigan, Estados Unidos, no seio de uma família de artistas, leitores compulsivos e amantes de música. Na universidade, começou por estudar Ópera e acabou por se licenciar numa área completamente diferente: Finanças Internacionais. Viveu vários anos na Europa antes de regressar aos Estados Unidos, onde casou. A conselho do marido, que observou a sua vocação para o melodrama, começou a escrever. Sonhos de Papel é o seu segundo romance e, nas suas próprias palavras, resulta do seu entusiasmo por Nova Orleães, escândalos históricos e a noção de que o ser humano é quase perfeito na sua imperfeição.

Livros, Mardi Gras e anos 50

Por: Patrícia Santos

2014/05/06
"Foi sim, a história da Cinderela contada em pleno Mardi Gras, um conto de fadas com motas em vez de cavalos, universidades em vez de castelos. Uma história que enternece e nos ensina a nunca desistir." Opinião completa aqui: http://girlinchaiselongue.blogspot.pt/2014/02/opiniao-sonhos-de-papel.html
Faça o seu comentário ao livro "Sonhos de Papel", de SEPETYS, RUTA
COMENTAR